Doenças

Íctio ou Pontos Brancos - Ichthyophthirius multifiliis

  • 03/07/2011
  • 4320 visualizações
Íctio ou Pontos Brancos - Ichthyophthirius multifiliis
Sintomas:

IctiofitiríasePontos Brancos, ou, simplesmente, Íctio, é uma das doenças mais comuns e devastadoras enfrentadas pelos que lidam com peixes de água doce. 

- Inicialmente: aparição de pontos brancos na superfície do peixe, barbatanas encolhidas, nado e saltos irregulares, coçar-se em pedras, diminuição de apetite e aumento na produção de muco.
- Fase mais aguda: desenvolvimento de úlceras, que o fazem perder sua vitalidade, ficando parados no fundo do aquário até morrerem.

Fungos e bactérias podem se aproveitar da fragilidade do peixe, porém peixes sobreviventes tornam-se mais resistentes.

Causas:

- É um protozoário ciliado (cílios ou tentáculos sugadores). Existem diversas espécies de Ichthyophthirius, que infectam tanto peixes de água doce ou salgada.
- Em maiores temperaturas se torna mais perigoso, pois completa seu ciclo mais rápido.
- Não sobrevive em concentrações baixas de oxigênio ou em águas ácidas (pH < 5).
- A aparição do parasita ocorre principalmente na superfície dorsal, cabeça, abaixo da pele, guelras e brânquias, aonde se formam cistos.

 

Tratamento:

- Para aquários recomenda-se troca de temperatura variando de 33ºC pela manhã (durante 6 horas) e ao anoitecer 21ºC, repita o processo de 3 a 5 dias.
- 1g de Verde de Malaquita para cada 10m² por 10 dias a uma temperatura de 4 a 10ºC.  Este método só deve ser empregado em alevinos e juvenis.
- Banho de tripaflavina com temperatura de 30ºC durante pelo menos 3 semanas.
- Administrar sal não iodado diluído previamente numa solução homogênea em 20g por litro de água com bastante aeração durante 2 a 5 minutos.

 

PREVENÇÃO:

- Evite a exposição do peixe aos parasitas, caso o peixe seja infectado, faça o tratamento o mais rápido possível.
- Muitas das vezes a infecção ocorre devido a introdução de novos peixes no aquário, os mesmos devem ficar em quarentena (2 a 3 semanas), a água usada deve deve ter 24ºC de tempetatura (ideal para o desenvolvimento do parasita).
- Sempre que possível realizar trocas parciais de água e desinfetar frequentemente os materiais de uso coletivo.
 

Fonte: Wikipedia, Aquahobby
Links relacionados:
W3TOOLS