Glossário

Nadadeira Adiposa
Pequena nadadeira situada na parte de cima de alguns peixes (como os tetras) entre as nadadeiras dorsal e a caudal.
Nadadeira Anal
Nadadeira na região ventral (parte de baixo do peixe), logo atrás do ânus.
Nadadeira Caudal
Nadadeira na extremidade posterior (traseira) do corpo do peixe, também conhecida popularmente como cauda ou rabo.
Nadadeira Dorsal
Nadadeira (podem ser até três), situadas no dorso do peixe (parte de cima logo atrás da cabeça).
Nadadeira Peitoral
Par de nadadeiras com a base situada na lateral do corpo, logo atrás das guelras. É a nadadeira que mais se movimenta na maioria dos peixes.
Nadadeira Pélvica / Ventral
Par de nadadeiras localizadas na parte de baixo do corpo, logo à frente do ânus.
Nano
Aquário avançado de dimensões reduzidas (tipicamente 30 L ou menos).
Ninho
Estrutura construída ou local escolhido por animais para colocarem seus ovos e fornecerem proteção aos recém-nascidos.
Ninho de Bolhas
Ninho formado por alguns anabantídeos na superfície da água, soltando bolhas de misturadas com um muco onde os ovos irão fixar-se.
Nitrato
Íon (NO3)-. Tende a acumular-se na água do aquário como produto final da filtragem biológica, sendo normalmente retirado através de trocas parciais
Nitrito
Íon (NO2)-. Produto do consumo de amônia pelas bactérias Nitrossomonas, é tóxico para plantas e peixes, mas em aquários equilibrados é transformado em Nitrato pelas bactérias Nitrobacter.
NO
Normal Output. Lâmpada fluorescente de potência comum (padrão).
Nome científico
Identificação científica de uma espécie por meio de dois nomes em latim ou latinizados: o gênero (com primeira letra maiúscula) seguido da espécie (em letras minúsculas). Ex: Betta splendens.
Nome comum
Nome popular ou comercial pelo qual uma espécie costuma ser referida.
Noturno
Animal cuja fase mais ativa se encontra no período em que não há claridade do sol.
NPK
Conteúdo relativo de nitrogênio (N), fósforo (P) e potássio (K) de um fertilizante.
W3TOOLS